sexta-feira, 20 de julho de 2007

E na vitrola...

Neste mês de julho, percebe-se que as coisas desandaram neste blog. Assuntos como política, economia já não são tão corriqueiros assim. Mas o que para muitos pode ser algo ruim, o motivo pelo qual isso aconteceu neste blog foi muito bom. Correntes de “jogos”, desafios e pedidos de posts de outros blogueiros, tiveram um ímpeto estrondoso neste mês, o que foi muito satisfatório, já que estão reconhecendo nosso trabalho. Aproveito então para agradecer a todos os amigos bloggueiros e desejo à todos vocês Feliz Dia Internacional do Amigo!

Bom, o amigo Fábio Martins me passou um dos 5 tentáculos de uma corrente muito interessante, ao qual tenho de dizer-lhes o que toca na minha vitrola enquanto faço meus textos para o blog.

Devo começar dizendo que, apesar da minha veia roqueira, o Jazz, o Blues e até a música erudita, ocupam boa parte das minhas preferências musicais ao escrever um post. Varia muito da vontade. Ouvir por exemplo uma estrondosa voz como a de Nina Simone (ao qual não possuo um álbum específico, e sim uma coletânea) e de Frank Sinatra, dois senhores máximos da música, me faz ter ímpeto e mais emoção para escrever sobre assuntos bem triste e que requer reflexão.

Mas não são só eles. Norah Jones e (essa ainda mais) Amy Winehouse, também me fazem viajar nas letras escritas. Amy, aliás, é tão única que até me atrapalha, sendo eu obrigado a voltar de vez em quando algumas músicas para ouvi-la novamente.

Muitos dos meus posts são escritos de madrugada, assim, gosto de algo bem suave e mágico. Por isso varia. As vezes gosto de sentir a tristeza latejante do Damien Rice nos dois álbuns; a melancolia alegre (não sei explicar) do Leaves no excelente álbum Breathe; o jazz moderno e frenético do Jamie Cullum; a suavidade das obras de Mozart e Bach ou o mais perfeito álbum já lançado (na minha opinião), que é o Diorama, do Silverchair. São sons deliciosos de ouvir na madrugada e que fazem aumentar minha criatividade.

Agora quando vou fazer uma crítica de filme ou de algum álbum lançado, aí sim Rock´n Roll nas alturas. Então, não tem como definir. O novo álbum do Linkin Park, o novo do QOTSA e os dois álbuns do The Arcade Fire, têm tocado muito, mas muito mesmo, ao escrever sobre este tipo de post.

Putz, mas tem muito mais coisas que fugiram da memória: Björk, Killers, James Morrison, Oasis, Mika, Chris Cornell, Queen, Bublé.....ih caramba, muitos outros. Só sei que sem música não vivo, hehehehhe. Fecho este post, agradecendo mais uma vez ao Fábio Martins pela indicação, ao som do álbum Ta-Dah, da incrível banda Scissors Sisters.

Passando a "brincadeira", tenho curiosidade em saber o que escutam na hora em que escrevem:
1. Abrace o Mundo
2. Blog da Polly
3.
Championship Vinyl
4. Fernando Teixeira
5. Nada Pra Mim

6.
Pensamentos Equivocados

6 comentários:

Polly disse...

uhashuasuhasuhasuh
mais um desafio....
pode deixar que na próxima postagem vou cumprir tudo, ok? mas esse será difícil....não escuto nada quando tô postando...até porque minhas idéias pros posts aparecem quando esto indo dormir....


(www.pollyok2.zip.net)

Elza disse...

Realemnte esta corrente é muito interessante, espero que ela chegue até esta humilde blogueira!
rsrs..
=]

Elza disse...

eita então vc editou o post!!!
Adorei, vou fazer, durante a semana posto!
**
sobre o 5 estrelas, vc pode indicar alguém mesmo sem ter sido indicado, ai vc escolhe os blog que acha que merecem ser o blog 5 estrelas, mas se eu não me engano vc ja foi nomeado...
Acho que até pelo Zoiorama.. não lembro bem agora, mas creio que tu indicação ja rolou sim!

Adrian Masella disse...

Nossa cara, realmente uma seleção de peso!!!
Quem não se emociona com a voz de Frank Sinatra cara, voz profunda, cheia de emoção e força!!
Eu adoro, silverchair, J. Morrison, QUEEN, Oasis!!

De fato, Queen toca tanto aqui em casa, que as vezes sou ameaçado de morte para trocar o CD!

Ossos do ofício!

Abraços

Fábio C. Martins disse...

Porra, ótima seleção, mas confesso que tirando Sinatra, Norah Jones, Amy Winehouse, Silverchair, Jamie Cullum, Queen e Oasis, o restante eu conheço muito pouco, mas esses que citei estão na minha library do iTunes. Certeza!

Abraços

Freddy Jorge Simões disse...

Vou cair de pára-quedas nessa brincadeira!

É difícil dizer o que ouço quando escrevo, pois escuto de tudo: de Angela Rô Rô a Red Hot Chili Peppers!

Atualmente, tenho ouvido muito Raimundo Fagner, Jorge Vercilo Portishead e The Dissociatives (a banda alternativa do Daniel Johns, vocalista do Silverchair).