quarta-feira, 19 de setembro de 2007

Quando a fé cega nos comove

Em números estatísticos, o Brasil ocupa pódios quando se trata de números de fiéis católicos e evangélicos em relação ao mundo. Estamos falando de milhões de seguidores brasileiros, que usam a religião como uma certa fuga da triste realidade de nosso mundo. E isso não é uma crítica maldosa. Cada religião tem uma suma importância na vida de cada um de seus seguidores. São responsáveis pela preservação de características essenciais para se viver em harmonia em nossa atual sociedade, como a união, o respeito ao próximo entre tantos outros. Entretanto, é necessário dizer que o vasto surgimento de diferentes tipos de igrejas, tem transformado tal “necessidade” em negócio, o que vem prejudicando uma porção de pessoas, que ficam cegas diante promessas alógicas e que apenas tomam de forma covarde o pobre e suado dinheiro, obtido por meio de tanto sacrifício.

Em uma periferia de Vitória (ES), há um prédio enorme sob uma igreja chamado de Comunidade Tabernáculo Vitória. No edifício há centenas de quitinetes, onde apenas freqüentadores da igreja moram. Para que se tenha direito a morar nestes apartamentos, a pessoa deve doar Todos (!!!) os seus bens, para cobrir os gastos que a igreja tem, e continuar assim até o fim de sua vida - caso continue morando lá. Além disso, é proibido dar entrevistas e comprar bens próprios – todo dinheiro deve mesmo ser repassado à igreja. Encomendas como gás, remédios entre outras coisas, são compradas de dentro das casas, e as entregas devem ser feitas na portaria, vistoriadas e depois levadas aos seus devidos donos. A igreja é administrada pelo “pastor” Inereu Vieira Lopes, que possui uma Ranger e um Pólo (perdão, errata: o Pólo é do filho dele...). O operário e ex-morador/freqüentador do Tabernáculo, Aídson Dantas, questionou o pasto do porquê de apenas ele poder ter certos bens. Um mês depois se viu divorciado de sua esposa e fora da comunidade. Alguma ligação? Talvez, mas hoje Aídson é proibido até de visitar e falar com os filhos.

A principal ideologia de vida da comunidade, é aguardar a volta do salvador (Jesus) à Terra– que segundo eles, está próxima. Tal dia é chamado como Dia da Salvação.

É difícil criticarmos sem condenar, mas chega a ser uma afronta à dignidade humana tal ideologia religiosa. Se aproveitar de pessoas sem grau de instrução e atormentadas por suas vidas miseráveis é algo no mínimo cretino. Segundo o “pastor” a comunidade existe desde 1985 e tem todos os documentos certos diante à justiça, a disposição de fiscalização do Ministério Público. Mas, segundo o presidente da Associação de Pastores Evangélicos da Grande Vitória, pastor Enoque de Castro, nem o pastor Inereu nem a comunidade Tabernáculo pertencem à associação.

Mas já que estão a disposição do Ministério Público, porquê não investigar? Foi assim que o lado obscuro da igreja Renascer veio à tona. Além do mais, não sei se é possível, poderia-se colocar a disposição destes fiéis, pessoas instruídas a ajudá-las a procurar um “caminho” melhor para suas vidas. Um caminho em que a recompensa de tanto sacrifício diário não seja em prol de uma história montada para cegar pessoas inocentes, aproveitadores de miséria alheia.

15 comentários:

Dragus disse...

o lado obscuro da Renascer apenas apareceu porque eles foram condenados fora do país.

Se não tivesse sido desse jeito, não teriam sido condenados, sequer pegos.

É o estado "laico" Brasileiro.

M.Cesar disse...

o povo anda precisando acreditar em alguma coisa, mas como sempre...acaba acrditando nas pessoas erradas...falsos pastores, pastores falsos, falsos politicos, politcos falsos...o ida que o povo passar a acreditar nele mesmo..talvez abra os olhos...

OvErDoSe BoYz disse...

huahuahua
a foto em baixo..
da inocencia dos jovens la
eu tenho por completo.. mais imagino que vc tenha ela por inteiro tbm
huauhahua

retornando visita..

abraçexx

- Cah. disse...

religião é manipulação,
uma das coisas que mais prende o homem...

bah, é foda cair numa dessas por 'esperança'
flw

Net Esportes disse...

infelizmente estão mesmo banalizando algo tão importante como é a religião...... esse monte de Igreja pedindo dinheiro é um absurdo.........

R Lima disse...

Dragus tem toda razão.. a Renascer só renasceu msmo qdo foi pega por atos ilícitos fora do país.. se aqui estaria intocável até hoje.. mas é certo que é na miséria da ignorância que estes ditos "pastores" se fazem... e infamemente pregam o que não cumprem.

Tenho pavor dos carros com estampa PROPRIEDADE DE CRISTO.. Se é de Cristo todos os seguidores da seita podem usar não é? Mas de certo somente o "pastor" e seus familiares fazem uso.. como se isso enganasse a classe inteligente...

É meu caro religiões e seitas tem a dar com o pau.. seriedade em poucas ou quase nenhuma...

Abçs,




O AveSSo convida a ouvir o Novo CD Caetano MultiShow Cê Ao Vivo e comentar a última saga do post - Medo, Sofrimento e Arrependimento (Ato III e Último)...

Passa por lá,

[ http://oavessodavida.blogspot.com/ ]

O AveSSo dA ViDa - um blog onde os relatos são fictícios e, por vezes, bem reais...

Mayck disse...

Ngm é obrigado a gostar da renascer nao e nenhuma outra igreja nao
O que importa é acreditar em Deus

Arthurius Maximus disse...

Ora meu caro amigo.Isso nada tem de religião. São meros aproveitadores e estelionatários que se valem da imaturidade espiritual de nossos conterrâneos e da ignorância. Imbecis e idiotas existem em qualquer lugar. Cabe a nós crescermos intelectualmente e espiritualmente para que não entreguemos nossos sonhos nas mãos desses charlatães.

O ANTAGONISTA disse...

É impressionante como histórias desse tipo não páram de acontecer em todo o país. A miséria, a falta de educação e cultura, tudo isso colabora. Mas não é só isso, porque coisas parecidas acontecem em países de primeiro mundo... é triste o que vou dizer, mas a verdade é que enquanto houver um otário, vai sempre haver um malandro pra tirar proveito dele.

Valeu.

O ANTAGONISTA disse...

Só continuando o comentário acima, esqueci de dar um exemplo que veio à mente agora: Conheço uma coroa, super-rica, filha de conselheiros do Tribunal de Contas do meu estado, ex-esposa (com filhos) de um conhecido deputado estadual, rica, muito rica... sempre estudou nos melhores colégios, viajou bastante ao redor do mundo, etc e tal. E essa criatura passou, nos últimos ano, a fazer parte de uma igreja evangélica dessas que toma tudo que ela ganha, proíbe de assistir TV e entrar na Internet, entre outras coisas. Dá pra acreditar?!?!?!

Sonhador disse...

O DESESPERO DA DOR.
A dor, física ou emocional, leva uma pessoa à busca de uma solução, nem sempre a melhor, passando a ser uma presa fácil, lógico, dos falsos profetas. Independente do padrão socio-econômico, o desespero leva à caminhos tortuosos. O tema é investigativo, mas não é muito difícil, compreender o que se passa com um ser nesses momentos. Só quem já conheceu o desespero, sabe. O maior exemplo que conheço, faz um bom tempo, está resumido assim: "Pai, afasta de mim esse cálice".

Danilo Moreira disse...

Uma vez comentei com uma amiga minha, religião serve para religar a um ser superior q é Deus, porem, qdo se passa a dar mais importancia a religião em si do q a este conceito de ligar, ela passa a nao ser mais religião e sim fanatismo.

É assim q muitos malandros se aproveitam das pessoas, pq prega q qto mais fanatico nos costumes da religiao, mais se está proximo a Deus, tornado a pessoa cega aos atos deles, e no fim, dependendo do caso, acaba acontecendo ao contrario.

Detesto falar de religiao pq há muitas pessoas que sabem falar mas não sabem ouvir, mas como percebi civilidade nesta postagem, entao faço questão de deixar a minha opinião.

Abraços!!!

-----------------------------------
http://emlinhas.blogspot.com/

EM LINHAS...
Quando as palavras se tornam o nosso mais precioso divã.

Novo texto: E Tudo Mudou...
-----------------------------------

Marcio Pimenta disse...

Ficou bem legal teu texto sobre um assunto tão polêmico.

Wagner "BaHiA" disse...

Bom isso que o danilo ai em cima falou está correto, muitas pessoas falam de religiao e não sabem ouvir. É por isso que muitas das vezes tambem não comento.
Não sei se vocês já assistiram o filme "O Segredo". Mas aquele filme é a prova perfeita de que para conseguir o que queremos não é preciso dar dinheiro a ninguem, simplesmente confiar em si mesmo, e focar um objeto à alcançar. Com tempo aquele objetivo é alcançado. Eu sou desta opinião, nada de dar dinheiro a pastores e a igrejas, se você tem fé, tudo bem, vá a igreja, mostre a sua fé. Mas acredite no seu sonho e foque no seu objetivo, e ele vem até você. Isso foi relatado neste documentario do The Secret (o segredo). Nossa! Fiquei parecendo um pastor agora hahaha =pp Se quiser saber mais: http://www.thesecret.tv/home.html

Abraço a Todos! tolokoentao.blogspot.com

Fernando Teixeira disse...

Ainda estamos na Idade Média. Mudou apenas a religião, mas as pessoas seguem buscando comprar seu "terreno no céu". Em diversas religiões é assim, só muda o que deve ser pago em troca da salvação. Em algumas, o que se pede é postura e manutenção dos costumes, outras é a vida, como no caso dos radicais mulçumanos...e nós, é o dinheiro.

As pessoas sofrem, mas preferem assim, se enganar, acreditar... Nao condeno as religiões, acho muito necessárias, mas tem que ser dizer que o mercado evangélico é uma falcatrua sem precedentes...abusa dos pobres, que já tem pouco, e mesmo assim caem na lábia para pagar mais.

Mas se todos somos livres, devemos respeitar...mas ainda assim tenho o direito de lamentar.