sexta-feira, 27 de abril de 2007

Um possível falso milagre chamado Auto-Hemoterapia

Apesar do título se referir a este procedimento como uma possível falsidade, verão que no decorrer do texto, tal tratamento – se realmente for possível comprovar sua eficácia-, pode ser na verdade, uma vítima da ganância humana.

Há algum tempo, um dvd sobre um tratamento até de certa forma milagroso, começou a circular de uma forma surpreendente pelo Brasil, fazendo com que uma legião de pessoas se rendessem à um experimento dito – pelos que se consideram especialistas-, duvidoso.

Na última semana, o assunto se tornou bem popular nos centros de debate, após ser massacrado por uma reportagem de um importante programa de circulação nacional.

Mas afinal, a Auto-Hemoterapia funciona mesmo? Bom leitores, não há nada de concreto até então. Tal método era usado há décadas atrás, para fortalecer as pessoas. O problema era que o método utilizava sangue de outra pessoa, o que foi perigoso demais, visto os diversos casos de doenças -como a sífilis-, que se alastrou nos pacientes. Hoje já é diferente, o sangue é tirado da própria pessoa e injetado nela mesma (como leram no artigo do link), para obter as possíveis curas.

O dvd contém o Dr. Luiz Moura, explicando o tratamento e contando alguns casos de cura via auto-hemoterapia. A forma tratada pelo médico e os contos são bem fascinantes, e realmente funciona na tarefa de convencer leigos no assunto. Em uma rápida vasculhada e pesquisada em centros de discussões na internet sobre o assunto, por volta de 2000 pessoas comprovaram a eficácia do tratamento em doenças como artrite, glaucoma e herpes e até em algumas consideradas de teor grave, como o câncer e a diabetes.

Os médicos rebatem tais declarações de cura, com insinuações de loucura por parte do Dr. Moura e alegam que em alguns casos, as doenças – devido à um fator de defesa do próprio organismo-, realmente podem sofrer alguma reversão, que é até algo bem comum... Bom, não é muito comum hoje em dia, doenças como artrite e diabetes sofrerem curas repentinas, não acham? Lembrando que esta declaração, foi dada por uma médica na reportagem condenadora do programa.

Assim, ficamos divididos: Será que estamos diante de um cura milagrosa, que além de eficaz é quase sem custos? Ou é apenas mais uma ilusão fatídica, que vira e volta persegue nós brasileiros, como alegam os médicos especialistas?

A verdade é que as alegações céticas, são incrivelmente infundadas, ou seja, não mostram uma razão clara. Soa como se eles estivessem a beira de uma revolução na medicina alternativa, que de uma forma assustadora, poderia diminuir a necessidade de profissionais da área médica nos setores da saúde. Com o tempo, teremos maiores respostas.

Tal prática, por mais absurda que pareça (ou tentam fazer parecer), pode ser uma verdadeira revolução. Aos seguidores, fica a dica de que em hipótese alguma parem de tomar os medicamentos e entrem de cabeça no tratamento. Não há nada comprovado. No momento dúvidas e mais dúvidas sobrevoam tal método. Que as respostas venham logo!

41 comentários:

witon disse...

otimo blog vc se supera cada vez mais

Fábio disse...

Diego, também espero que essa terapia funcione mesmo, pois iríamos poder ter curas de doenças até então, desastrosas. Mas, se não for real, então que venha outros com novas teorias.

Só sei que a melhor cura para uma doença está na própria cabeça do doente. Muitas vezes as pessoas se curam através de acreditarem que irão. Será fé? Juro que não sei, mas que é, no mínimo, curioso, isso é!

Abraços

P. Florindo disse...

Como seria bom se esse tratamento desse certo e fosse comprovado que é eficaz. Mas sei lá. Acho "simples demais".

Fernando Teixeira disse...

Meu irmão fez hemoterapia durante um tempo. Realmente os resultados foram satisfatorios. Ele tinha problema de espinhas e gradativamente foram sumindo, nao por completo, mas em grande numero. Nao saberia dizer empiricamente se é eficaz, mas com a experiencia que tenho na familia constatei que algum efeito surte.
abraços!

comentandoséries disse...

nao sabia desse tipo de tratamento...post informativo e que de fato nos faz ficar meio dividido...

sempre melhorando!!!parabens!

* Lana * disse...

Obrigada pelo coment, e tenho que concordar que exagerei no post
rs
Mas andar de trem me fascinou
Ah, e eu moro no Rio de Janeiro, Copacana

Eu vi essa reportagem à que vc se refere e fiquei com muita vontade de ver o dvd.
Cara, não tenho uma opinião formada, acho que tudo é válido.
Aliar todos os tipos de tratamento possíveis é uma opção, principalmente em doenças mais graves.
Gostei bastante da forma que explora isso
Parabéns pelo blog

*muáh

Leandro Paiva disse...

Pois é, em se tratando de ciência, enquanto não se têm provas suficientes para se poder embazar, não podemos nem acreditar nem desacreditar em nada. Mas já escutei muitas vezes alguns médicos indicarem esse tipo de tratamento.

André Logan disse...

O brasileiro é um povo tão desesperado que acredita em tudo o que é dito ou que funciona com uma pessoa... isso já se tornou uma questão cultural.

Marcelo Soares disse...

Opa, fallla Diego..

Eu já tinha lido sua posts, estou sempre visitiando-o. MUITO BOM!

Passa la no meu:

http://kalanguiano.blogspot.com/

abs!

Eduardo disse...

Pois é o povo acredita em tudo para isto basta um bom contador de histórias, se o cara for bom convençe mesmo.

Arthurius Maximus disse...

Isso é um absurdo total. A melhora pode ser obtida até com água (efeito placebo). Os riscos de necrose e infecções nos músculos são altos. Só após testes exaustivos isso deve ser aceito como tratamento.

Polly disse...

Nossa, eu vi a reportagem na tv e fiquei chocada... Só não sei o que me chocou mais: uma atitude tão desonesta ou a burrice do povo (sinto muito, mas é revoltante...talvez nem seja justo eu dizer isso, mas é revoltante sim)

(www.pollyok2.zip.net)

Cláudia Tostes disse...

Estranho esse negócio de hemoterapia... eu andei vendo essas notícias e acho meio sem fundamento, mas como você diz, vamos esperar e ver...
muito bem feito o seu blog, tá de parabéns!

Renan disse...

Auto - Hemoterapia eh?
Gostei, parabens, vc escreve bem...

Késia Maximiano disse...

bom seria se fosse comprovado a sua eficacia..
adorei o post..
bjosss

Leh-O disse...

gostei do bloog

andre disse...

esse negócios são meio duvidosos mesmo

Abraço

Polly disse...

hehehehehe
ficou desiludido com os contos?? aguarde a próxima parte, que será a explicação!!

Kaline Vieira disse...

Não sabia da existência desse tratamento.
Seria ótimo se ele fosse eficaz como dizem, ajudaria inúmeras pessoas!
Mas pelo visto vamos esperar bastante para saber se funciona ou não. Os médicos precisam se entender primeiro.

Muito bom o seu blog!
Um abraço.

Srta.Morgana disse...

Nice blog...
Adorei...
Aparece lá no meu...
bjos!

Tiago B.W. disse...

tentei mandar um comentário mas num sei se foi inteiro ou pela metade, de qualquer forma, continuando..:

Bom tópico..
Esse assunto da auto-hemoterapia tá dando muito o que falar, tem programa de tv que diz que não dá certo, tem outros que dizem que é eficaz para aumentar a força dos músculos, então pelo menos até os cientistas chegarem a uma conclusão, ainda haverão muitas dúvidas sobre esse assunto, mas é sempre bom ler sobre um tema muito comentado na atualidade, continue assim que eu continuo lendo ;)

Fabiano disse...

achei interessante, mas não faria rsrs

Isa Dora disse...

Interessante né, mas necessita de testes e mais pesquisas, já q não é nada do q se tenha total certeza de eficácia.

wellington rato disse...

não acredito nisso muito não mas espero q de certo

e so pesquisa mais e estudar sobre esse assunto

Rodrigo disse...

ja li que alguns fisiculturistas utilizão desse metodo pra conseguir hipertrofia muscular e resistencia em curto periodo de tempo... muita coragem...

disse...

eu vi sobre isso no fantástico...

Rafael Barbosa disse...

Olha, eu sou do tipo só acredito vendo, infelizmente. Eu não vi a reportagem, mas li o link. Na minha opinião, até que seja comprovado cientificamente, eu particulamente continuaria meu tratamento tradicional.

Abraço!

Anônimo disse...

Contra fatos não há argumentos.
Existe sim o efeito placebo, mas não sei se este é o caso.
Se eu tivesse doente e precisando de uma cura, mesmo que fosse injeção de água eu tomaria.
Até agora em todas as reportagens que eu li e vi não apontaram risco com o tratamento de auto-hemoterapia. Unica coisa que falta para comprovar a eficacia é um argunmento cientifico.
Sei que de fato funciona, pois conheço pessoas muito próximas que fazem. Não há riscos e pode ser feito sem interromper qualquer outro tipo de tratamento convencinal.

Diego Moretto disse...

Bom, em minha casa tenho minha mãe que faz. Ela jura que esta ajudando-a. Não vejo as melhoras, a unica coisa que notei fou que ela emagreceu usando este tratamento. Aqui em casa tenho o dvd, e pra quem assisti, realmente da pra entrar na manha do médico, que relata casos bem assutadores e com uma verdade interessante. Não tenho coragem de usar este tipo de tratamento, mas por medo msm, hehehehe. Tbm sou muito cético, e acho muito "simples" para ter tamanha eficácia. Se ao menos tivessemos o apoio dos médicos para pesquisar e descobrir se realmente é um tratamento eficaz, poderiamos sim estar a par de uma revoluação na medicina. Mas não, o lucro fala mais alto. Bom, fico dividido neste assunto. Obrigado a todos que comentaram, e voltem sempre!!

Diego Moretto disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Anônimo disse...

A primeira coisa que me ocorreu, ao tomar conhecimento da autohemoterapia, foi temer pela vida do Dr. Luiz Moura, pois me lembrei imediatamente do caso do cidadão que inventou o motor movido a água, para veículos, e que,mesmo tendo se apresentado em um programa de televisão, desapareceu sem deixar vestígios e, até hoje, não se sabe o seu paradeiro. Logo em seguida passou o meu temor quando constatei que ele não foi o descobridor da autohemoterapia e que ela foi descoberta em 1912 e que já havia muitos médicos, pesquisas , trabalhos indexados, etc, já publicados e mundialmente reconhecidos. Mas, não custa ficarmos atentos.

Apesar disso, êles (as autoridades médicas), aqui, só sabem dizer "não há evidencias..", "não há estudos clínicos..", etc., etc. Isto ou é uma grande mentira ou uma demonstração de desconhecimento quanto aos fatos, porque há sim, e muitas. É só pesquisar na internet, que verão uma "avalanche" de "evidencias científicas", trabalhos indexados" e todos os etc, provindas de origens idonissíssimas, reconhecidamente capacitadas, tanto nacionais quanto internacionais, comprovando a eficácia e segurança da autohemoterapia, como, por exemplo, um trabalho pelo qual foi agraciado o seu autor com o Premio Nobel de Medicina de 1984, que é de se abismar ouvir tais afirmações de autoridades médicas nacionais. Mas, se eles acham que são necessárias novas pesquisas, que sejam providenciadas. Por que não as providenciam? O que será que os impede? Se pelo menos, eles acrescentassem às suas afirmações, pelo menos,; "vamos investigar a existência de estudos clínicos ou providenciar, urgente, a realização de pesquisas científicas urgentes, a fim de finalizar essa questão", sería mais inteligente, mais ético e mais honesto, conquanto fosse verdadeira a intenção de cumprir o compromisso. Embora descoberta no inicio do século passado, último do milênio, para mim a autohemoterapia será o acontecimento médico-científico deste século, talvez do milênio. Para isso vamos vencer os poderes, que por certo são os mesmos, que a mantiveram quase desconhecida das populações e "sem pesquisas" por estes quase 100 anos. Vai ser difícil, pois, certamente não vamos contar com o apoio da midia comprometida com esses poderes, como até agora.

Fica aqui a sugestão ao dep.carlosbezerra@camara.gov.br, PMDB-MT, que já abraçou a causa e já enviou requerimento para formação de comissão; a organização de um Movimento Popular, que poderia denominar-se Autohemoterapia-Pesquisa Já! , ou a formação de uma CPI para investigar porque não foi iniciada até agora tal pesquisa, pois é um assunto de elevadíssima importância para nós brasileiros. Enviem mensagens de apoio a esse deputado. Vamos nós o povo, mostrar que o brasileiro está vivo! Vamos ver qual pesquisador vai contrariar as evidências científicas, estudos clínicos, trabalhos indexados, etc, já existentes no Brasil e no Exterior, inclusive esse do Premio Nobel, citado acima ! Vamos divulgar p difundir fortemente o uso da terapia a fim de pressionar a sua oficialização.
Estou revoltado! Eu, meus filhos e netos até agora em 2007, e meus pais, meus avós, bisavós e meus trisavós, já falecidos, fomos privados de usufruir dos benefícios dessa maravilhosa terapia, descoberta em 1912! E sofremos! Eu quase "fui" devido a uma trombose, devido a engessamento, na perna direita. Isso poderia fácilmente ter sido resolvido sem o cateterismo, perigoso. Meus antepassados e, certamente, milhões de pessoas foram privadas de um viver mais longo, mais saudável e mais feliz durante esses quase cem anos. A quem "devemos" isso?
E atenção; escreveu um amigo no blog do Becher, que um laboratório, preocupado com a queda de venda de seus produtos em 9% e, atribuindo o fato à prática da AH, já destinou uma verba para combatê-la.Talvez não haja como confirmar tal fato, mas temos que tomar cuidado quando começarem a aparecer alguns depoimentos, estórias, etc. contrários, que, até agora, não apareceram, devemos examiná-los cuidadosamente, bem como estar atentos a qualquer manobra suspeita.. Devemos denunciar. Com certeza, eles vão se unir. De olho neles!
Sabemos que a aprovação oficial e o uso difundido da AH, vai gerar crises de vários tipos e intensidades, mas vamos todos ser afetados. Acima disso está a vida humana!
Mudando um pouco de assunto, mas tratando ainda de saúde, (desculpem a mudança brusca) gostaria de partilhar com vocês o que aprendi sobre hidratação, pesquisando no google e outros. Está sendo muito importante para mim e ,com certeza será para vocês também. Não deixem de pesquisar.
Hidratação + AH + Cloreto de Magnésio!! Haja saúde!! Depois relatem para nós outros.
Voltando ao assunto, eu, particularmente, estou satisfeito com os resultados da autohemoterapia. Estou na 4ª aplicação e já pude sentir um bem estar geral, melhor humor, disposição para atividades. Tenho um rim politicistico (muitos cistos) e um outro problema, verificados em exames de ultrasonografias, bem como outros exames, todos anteriores ao início da AH.Vou aguardar alguns meses, continuar a AH, retornar ao médico, fazer novas ultrasons e os outros exames e comparar as diferenças entre o antes e após AH. Voltarei para relatar.

Estou ansioso para que os benefícios da AH sejam estendidos, oficialmente, a todos os brasileiros. Parabéns e muito obrigado ao Dr. Luiz Moura. Fôrça aí, pessoal!! Vamos em frente!

E, como disse um amigo,

Saudações Autohemoterapianas!!

--
Antonio Carlos

Anônimo disse...

QUEM CONHECE SITES COM PESQUISAS SOBRE A AUTO-HEMOTERAPIA, PUBLIQUE AQUI A FIM DE SUPERARMOS AS ESPECULAÇÕES.

Anônimo disse...

Ela foi criada por médicos, receitada por médicos, de domínio dos médicos, até a invenção da seringa descartável e desconhecida do grande público até sua disseminação pela internet...
Enquanto erade domínio dos médicos, desconhecida, tudo bem, não era inconveniente, prejudicial, nociva e outras balelas delirantes com que tentam amendrontar aos futuros usuários ... mas quando se tornou fácil de fazer (seringa descartável) e pública (foi parar na internet), aí virou a vilã da vez, as autoridades "descobriram" a Ah e seus malefícios sombrios...
Representantes de órgãos de fiscalização foram à público e, "chutando o pau da barraca" da ética, avacalharam e desmoralizaram um colega (Dr. Moura) de foram direta e todos os outros que a prescreviam, por tabela, sem qualquer pudor ou consideração... Acusaram, inclusive, o pobre de lucrar com a pirataria, com a venda do dvd com sua entrevista, apesar de já estar na internet, de graça, por obra e graça dos repórteres que a produziram...

Bibliografia farta, ainda que desmerecida, pesquisas diversas, ainda que questionáveis, relatos de eficácia se multiplicando, ainda que inválidos do ponto de vista científico... Mas a AH está aí, se espalhando e provocando, seja lá por que mecanismos, mais saúde, aglutinando cada dia mais adeptos...
Ela passou por vários testes clínicos e de campo, por décadas (ora, sendo receitada por décadas mundo afora, já estaria bem além da 4ª fase de experimentos, segundo as vigentes normas de pesquisas..)....

...além de ser empregada na Veterinária, não podemos esquecer...

PORQUE DISTRIBUO ESSE LIVRETO...

Eu descobri essa técnica por intermédio de minha mãe, em janeiro de 2007, antes, portanto da reportagem do Fantástico, em maio, que gerou a proibição da auto hemoterapia.
Após um longo período de stress, devido a problemas particulares, ela passou a sofrer de asma gravis e pressão alta, após quase 30 anos sofrendo de pressão baixa.
Ao participar de um congresso sobre alimentação natural, adquiriu o dvd com a entrevista do Dr. Moura.
Forneceu-me uma cópia, dizendo que iria num médico para iniciar o tratamento com a AH. Assim o fez.
Por 2 meses, de março a abril, fez a AH em farmácia, com prescrição médica de 5ml por semana por 6 meses, para depois voltar para consulta de revisão. Somente o aplicador do turno da manhã da farmácia em que fazia tinha outros 50 clientes da AH. Então pensei, se não funcionasse, as pessoas iriam abandonar esse tratamento, denunciariam seus médicos pela a falta de resultados ou reações adversas ao longo de seu tratamento...
Fiquei realmente muito preocupado, pois não conhecia a técnica. Tentei convencê-la de não fazer, que era maluquice, que se funcionasse os médicos em geral usariam, que poderia matá-la, deixá-la com uma séria infecção, que era picaretagem, enfim, fui extremamente preconceituoso por ter uma opinião unilateral. Como não consegui demovê-la de sua decisão, parti para estudar a auto-hemoterapia, para achar subsídios para minha opinião.
Por conta disso, depois de 4 meses de pesquisa na internet, lendo relatos de centenas de usuários, todos satisfeitos com a AH, e sem conseguir achar sequer um caso de complicações advindas da AH, conversando com médicos e enfermeiros e de muito pensar, acabei me convencendo da sua eficácia. Agora estamos fazendo, eu, para tratar de crises aftas, companheiras de meus estresses corriqueiros, gripes e abscessos constantes nas amídalas, e inflamação derivada do rompimento do ligamento do joelho esquerdo. Minha esposa, para tratar de depressão e Síndrome de Pânico, TPM que lhe causava, 10 dias antes da menstruação, muitas dores intensas, baixa imunidade, gerando surtos de doenças oportunistas, dor que a fazia mancar da perna direita, enxaquecas freqüentes e plaquetopenia leve, que lhe causava hematomas de forma muito fácil. Minha mãe, que já não usa a bombinha e sem qualquer sinal de asma, e está com a pressão arterial regularizada. Minha sogra, que tomava remédio de reposição hormonal e que tinha reduzido a medicação ao mínimo por recomendação de seu médico, porque seu remédio lhe causou uma complicação hepática como efeito colateral, e que já não toma mais desde o começo da AH. Sofre de hipertiroidismo. Exames constataram redução do seu tumor benigno na garganta. Meu sogro, para minimizar as complicações de seu câncer de próstata e da conseqüente quimioterapia (perdeu a força nas pernas o que o fazia cair freqüentemente e durante seu sono fazia levantar várias vezes por noite) . Parou de cair, vai menos vezes ao banheiro à noite e está muito mais disposto. Enfim, estamos todos satisfeitos e sem os males que nos afligiam.
Baseado em fatos, em provas aqui apresentadas e em raciocínio lógico, comparando tratamentos largamente aplicados e que são de pouco conhecimento público, nas centenas de depoimentos de usuários em dezenas de fóruns ou que conheço pessoalmente, na falta de denúncias de complicações, e não em argumentos vazios, em opiniões tendenciosas, marcadamente preconceituosas e mal formadas daqueles que detém o poder e se negam sabe-se lá por quais motivações, a debater e pesquisar de forma inteligente e clara sobre a AH, tenho certeza de sua eficácia e distribuo esse livreto desde junho de 2007, para que mais pessoas tenham acesso á essa preciosa informação, e caso se convençam como eu, pratiquem a AH.
Prova que eu tive de que a Auto hemoterapia
não faz mal.
Convencido pelos depoimentos de outros usuários que conheço pessoalmente, argumentos, experimentos científicos disponíveis na internet e por uma questão de lógica, depois de muito pesquisar sobre a técnica com médicos e na internet. Entretanto, sempre baseado no necessário ceticismo, observo todos os meus sintomas e repasso nos fóruns em que participo, para fins de controle e troca de informação. Tudo que leio também.
Mas o destino me reservou uma prova de fogo incontestável. Quis DEUS que um de meus 3 filhos, então com 10 anos, passasse por uma experiência traumática.
Ele foi atropelado dia 11 de julho de 2007 , causando-lhe ferimentos que, graças a DEUS, não deixaram seqüelas. Passou 2 dias no hospital Lourenço Jorge, no Rio de Janeiro, sem poder ser removido, divido às fraturas lá atestadas – escápula, costela e joelho esquerdos, além de ferimentos diversos.
Ao transferi-lo para um hospital particular, pôde sentar. Nesse momento, houve um inchaço do seu púbis e pênis. O médico de plantão do novo hospital falou que, se necessário, fariam a cirurgia lá mesmo. Admoestei, dizendo que se fosse realmente necessário, teria meu próprio cirurgião de confiança (Não tinha, mas não custa prevenir. Afastei qualquer oportunidade de má fé e fiz com que o cirurgião ficasse mais atento, pois passou a acreditar que seus procedimentos poderiam ser revisados por um colega com quem eu teria algum vínculo ...) Este cirurgião atestou, através de tomografias, ressonâncias e raios-x, que ele teve sangramento dos músculos da lateral esquerda que se acumularam no púbis, juntamente com um “sangramento” de fissura da sua bacia, então diagnosticada. Seu baixo-ventre ficou cheio de sangue, por volta de meio litro, por efeito da gravidade e pelo “sangue” do osso da bacia... Ele garantiu que não seria necessário, sequer, fazer punção, pois o ORGANISMO DELE IRIA ABSORVER NATURALMENTE O SANGUE. Assim ocorreu. O sangue foi totalmente absorvido em 7 dias... No 8ª dia teve alta.
O médico só receitou antibióticos, já no 4º dia depois do acidente, para evitar que alguma contaminação que tenha penetrado na sua corrente sanguínea através de seus muitos ferimentos, chegasse nesse depósito e causasse cultura, ou seja, criasse uma infecção. Se fosse menos sangue, nem antibióticos ele disse que receitaria. Tenho todos os exames e laudos para atestar esses fatos. Apesar de ter passado 2 dias sujo de lama, não teve sequer um arranhão infeccionado... Está plenamente restabelecido, tendo feito fisioterapia por 2 meses para recuperar a musculatura prejudicada pela imobilização (1 mês de cadeira de rodas e sem mover o braço esquerdo.)
Apresentados os fatos, e não conjecturas e argumentações vazias como nos impigem os órgãos públicos que deveriam levar ao debate e ao estudo ético essa terapia complementar, pelo bem da saúde pública, recomendo que estudem, pesquisem, e se, afinal, se convencerem como eu, façam e recomendem a todos a AH.

Olivares

Anônimo disse...

CASO QUEIRA SE INTEIRAR MAIS SOBRE O ASSUNTO, EXISTEM ALGUNS EXCELENTES SITES DISPONÍVEIS:
CAMPANHA NACIONAL EM DEFESA DA AUTO-HEMOTERAPIA, http://www.campanhaauto-hemoterapia.blogspot.com/ onde temos diversos links para consulta, e toda orientação necessária para conhecer a AH. Objetivos: I - promover DESAGRAVO AO CIDADÃO MÉDICO – DR. LUIZ MOURA, pelos ataques e acusações a ele dirigidos por alguns representantes de sua própria categoria profissional;
II - defender o direito de aplicação e uso da referida técnica terapêutica, passando a expor e peticionar, pelas razões e nos termos seguintes. O ORIGINAL DO TEXTO-BASE PETIÇÃO ENCONTRA-SE DATADO, ASSINADO E REGISTRADO NA CIDADE DE SETE LAGOAS/MG, EM 31/07/07, NO CARTÓRIO DE REGISTRO DE TÍTULOS E DOCUMENTOS E REGISTRO CIVIL DAS PESSOAS JURÍDICAS; PROTOCOLO Nº 62026; REGISTRO NO LIVRO Nº C-45, SOB Nº 34105. A COLETA DE ASSINATURAS DAR-SE-Á EM LISTA PRÓPRIA, QUE CONTÉM MENÇÃO EXPRESSA AO REFERIDO REGISTRO E AOS LOCAIS PARA ENVIO.
EM http://www.orientacoesmedicas.com.br/pesquisa_virtual_sobre_auto-hemoterapia.htm, é disponibilizada uma PESQUISA
sobre Auto-hemoterapia, com controle estatístico de depoimentos voluntários dos usuários. O índice de satisfação com o tratamento é de 98,04 %..

Neste link temos uma enorme relação de sites sobre a AH:
http://paginas.terra.com.br/saude/Autohemoterapia/
Ou em http://inforum.insite.com.br/39550 , onde temos centenas de depoimentos de usuários, na sua esmagadora maioria, satisfeitos com a AH, não constando qualquer reclamação de complicação da prática. Comunidades no Orkut: http://www.orkut.com/Community.aspx?cmm=7768575
http://www.orkut.com/Community.aspx?cmm=7739092
http://www.orkut.com/Community.aspx?cmm=8697443 (Pessoas que têm doenças raras e degenerativas – Ex.: Mal de Alzheimer)
Pesquise pelo termo auto hemoterapia no site www.radiojornal.com.br , digite no campo de busca desse site o termo auto hemoterapia, selecione áudio e ouça a explanação do Dr. João Veiga Filho, médico cirurgião e Secretário da Saúde de Olinda, ou no Jornal Folha de Pernambuco, edição de 27 de abril de 2007. O Dr. Veiga, explica mais sobre a auto-hemoterapia e deixa registrado seu repúdio à matéria do Fantástico, que também o entrevistou. Ele coordenou uma pesquisa sobre esse tratamento, relatando sua eficácia.
Fonte: http://jc.uol.com.br/radiojornal/audios.php?mode=busca&palavra=auto++hemoterapia&busca=1&x=9&y=9
Na Rádio Câmara, www.camara.gov.br, existe o Áudio da entrevista do Dr. Paulo Varanda, concedida à rádio da Câmara, onde este ensina tudo sobre essa técnica e o porquê da sua proibição. (é possível fazer download do arquivo, se preferir)
23/05/2007 Entrevista na Rádio Câmara (Palavra de Especialista):
Auto-Hemoterapia - Bloco 01 (19'19'') (a favor) – médico praticante defensor, Dr. Paulo Varanda
Auto-Hemoterapia - Bloco 02 (14'27'') (contra – diretor de Conselho de medicina

http://www2.camara.gov.br/internet/radio/chamadaExterna.html?link=http://www.camara.gov.br/internet/radiocamara/default.asp?selecao=PESQUISA&codVeiculo=2&assunto=Contains%28m%2E%2A%2C%27%22auto%22+AND+%22hemoterapia%22%27%29
No MSN temos o seguinte link:
http://groups.msn.com/Auto-Hemoterapia/_whatsnew.msnw
O Doutor Moura, que eu tive o prazer e a honra de conhecer no dia 12/12/07, em entrevista adiante transcrita, distribuída em dvd ou na internet gratuitamente, ensina a prática da auto hemoterapia e descreve a sua eficácia, com o objetivo de trazer à baila um tratamento eficaz, barato, sem contra indicações ou efeitos colaterais, sem restrição de idade, podendo ser usada por grávidas, crianças ou idosos, aplicável em qualquer doença ou enfermidade, mesmo as viróticas ou congênitas, acessível a todas as camadas da população, mas boicotado pela comunidade médica, sem explicações, sendo usada com sucesso, seguramente, por milhares de pessoas no Brasil e no mundo, desde o início do século passado, como se pode atestar nos diversos fóruns na internet sobre o assunto, para curar ou tratar as mais variadas enfermidades ou simplesmente como preventivo.
Nunca houve casos de reações adversas ou efeitos colaterais denunciados, sendo receitada por vários médicos corajosos e desprendidos como o Doutor Moura há muitos anos, desde a sua descoberta, por volta de 1912, até sua proibição arbitrária. Entretanto, apesar da proibição e do aparente sacrifício de se fazer, afinal ninguém gosta de agulha, todos os praticantes continuam fazendo a AH, porque estão conseguindo sucesso com a técnica.
Posso atestar que duas agulhadas semanais (uma para tirar o sangue e outra para injetar em seguida no músculo) são muito menos dolorosas do que parecem. Ainda mais se compararmos com o sofrimento que as doenças tratáveis ou evitáveis com a AH , provocam...
O Dr. Luiz Moura, médico respeitado, teve a coragem de divulgar essa técnica, conhecida e muito usada no passado, mas misteriosamente “abandonada”, que nos protege, cura ou auxilia no tratamento de diversas doenças, contrariando interesses dos que vivem de nossas doenças.
OLIVARES ROCHA

Anônimo disse...

Olha...
Na minha família tem pelo menos uns 20 fazendo o tratamento.
A minha mãe tinha problemas sérios de artrite, que não podia mais mexer os dedos, e foi perdendo a sensibilidade. Depois de algumas aplicações ela passou a ter sensibilidade novamente. Tenho tios que curaram alergias com a auto-hemoterapia, outros que melhoraram a visão com o tratamento.

Eu acho que tem muitos profissionais médicos que trabalham pelo bem-estar do paciente, não só pelo dinheiro, mas tem aqueles que querem acabar com esse tipo de tratamento por falta de profissionalismo, e medo de perder mercado.

A solução das doenças está na própria natureza.

Anônimo disse...

Ja fiz a terceira aplicação de hemoterapia...estou mto satisfeita e recomendo a todos...minha vida mudou quase q 100%..Trabalho de vendedora e preciso ficar o dia todo em pé, isso me ocasionou dores terriveis nas pernas, varizes começarao a aparecer, então optei a fazer a hemoterapia,e acreditem, as dores sumirão.. minha mãe é profissional na area de saude e depois de muito insistencia minha ela topou em fazer.Obs.Ela teve q assinar um termo de proibição de praticar a auto-hemoterapia..Pq será??!!Tem algo por traz disso não acham?Então ela faz em mim mas no anonimato..e vcs acham q se fosse um tratamento que fosse fazer mau a saude de alguem, uma mãe faria em seu filho??Ela só não queria fazer por medo de perder o emprego dela...mas agora ela tbm quer fazer nela...esta vendo os otimos resultados q a hemoterapia traz...
Quem tiver curiosidade faça como eu fiz...leia bastante sobre esse assunto, e tenho certeza que só encontraram resultados satisfatorios...Criem coragem que é só duas picadinhas...kkk...que te proporciona-ra um resultado magnifico...

Sérgio Andrietti disse...

Caríssimos.
Eu sou o Sérgio Andrietti, gostaria de tecer alguns comentários sobre a AH.
Falar que não funciona é simples, difícil será provar.
A maioria de nós Brasileiros vê na figura do médico um semi deus, se o médico não indicar ou não receitar então nós simplesmente não fazemos.
Somos assim como gado novo, precisamos de tutores ou tocadores.
Nós não escrevemos nossa própria história, deixamos na mão de terceiros que Deus sabe o que os motiva tal missão.
Fui diagnosticado com câncer a "carcinoma no pescoço e base da língua, me sistema imunológico é muito frágil, então perguntei ao médico o que deveria fazer?
Resposta: Cirurgia, cortar metade de minha língua mais uma boa parte do meu pescoço e depois Quimioterapia e depois radioterapia.
Para que sabe um pouquinho só de saúde saberá que a proposta aqui é simplesmente de me matar.
Pois a cirurgia por si só me condenaria a não mais falar e comida apenas por sonda e ainda assim com uma grande chance de reaparecer o câncer, a quimioterapia por certo faria o restante, pois um sistema imune baixo o efeitos seriam devastadores.
Bem vamos encurtar a conversa, sou naturoterapeuta, vim para minha casa e comecei uma pesquisa própria a primeira descoberta foi um tal de avelós, a segunda foi a aloé vera e a terceira alimentação 100% crua, bem fazem mais de 25 dias que estou tratando assim e posso dar garantias concretas de que vou morrer mas não será de câncer e ainda terei minha língua dentro da boca.
Por ultimo reencontrei a velha e esquecida AH e relembrei dos benefícios que tive a muito tempo atras.
A que atribuo tais resultados:
1° Não tenho medo de escrever minha própria história.
2° Não tenho medo de morrer.
3° Não minha vida e minha saúde nas mão de médicos que não fariam o mesmo tratamento se fosse o pai ou mão deles.
Sorte ao doentes que não são pacientes e sim autores de suas curas.

Anônimo disse...

Ola amigos eu faço AH a um ano estou muito bem sempre tive muita renite e gripe no minimo 2ou3 no mês.
Amigos ainda pego gripe mas muito pouco comparado oque era e os efeitos dos vírus são mínimos.
Alguns falam de efeito placebo bom os veterinários usavam AH nas vacas para curar um tipo doença que se espalhava pelo corpo do animal, depois da segunda ou terceira aplicação a doença sumia.
Como sera que convencerão a vaca que a AH iria ajudar na sua doença para poder funcionar o efeito placebo ora senhores me poupem, esta claro que é propaganda dos laboratórios para ganhar cada vez mais dinheiro as custas do nosso mal.

edu disse...

Bom dia, vou relatar o meu caso, fui diagnosticado quando tinha 6 anos de idade com UVEITE, com diagnóstico de doença autoimune sem detectar a causa, a doença se establilizou durante todos estes anos. Porém há mais ou menos uns 4 ou 5 anos ela voltou. No começo de forma sazonal, duas crises por ano, então o tratamento foi a base de corticoide através de colírio, porém as crises foram se tornando mais freguentes a pontos de duas crises por semana, onde eu praticamente não enxergo nada, com muita dificuldade para viver. Ficava muito angustiado. A dose de colírio (PREDFORT) a principio era de uma gota por dia, e em consequência do uso deste colírio, há um aumento da pressão ocular, portanto também comecei a usar outro colírio para abaixar a pressão (AZORGA). Os dois colírios juntos custavam quase R$80,00. Com o tempo, e a incidência de novas crises, foi necessário aumentar a quantidade gotas diárias, até chegar a 6 gotas diárias de corticóide, e para quem usa sabe que é uma quantidade gigantesca. Mas nesta altura do campeonato, nem mesmo esta quantidade estava fazendo efeito. Procurei vários oftalmologistas caríssimos em SP, um deles, após um tratamento de poucas semanas, sem resultado, me disse "não tenho mais nada a fazer por vc, procure outro médico, não sei oque fazer." Achei que fosse ficar cego. Com excessivas crises semanais estava muito triste, pois tenho 45 anos e um milhão de coisas pra fazer na vida ainda. Decidido a resolver, fui buscar na net e descobri a AHT. Comecei a faze-la toda semana, e já estou nos três meses. |Em concomitância a AHT, comecei a me medicar com um especialista em UVEITE, renomado, consulta a R$600,00. Comecei perceber a melhora de pouco em pouco, mas utilizando o mesmo corticóide que não estava fazendo efeito. As crises se foram. Fiquei na dúvida se era "culpa" da AHT, ou se o corticóide havia feito isso.Mas o fato que determina que a AHT era o fator diferencial ocorreu na semana retrasada, que não pude ir fazer a AHT durante 10 dias, e adivinhem????? Tive uma crise bem forte, mesmo fazendo uso do corticóide (4 gotas por dia). Imediatamente durante a crise fui fazer a AHT e já estou bem melhor, e reduzindo o uso do colírio. também tomo todos os dias o Cloreto. Espero com este depoimento incentivar as pessoas a usarem esta técnica.

marly oliveira disse...

Os antídotos são feitos com o próprio veneno
...vendo por esse lado tem fundamento sim

pedro zanellato disse...

Troxa isso vem da frança pesquisa antes e mas antigo que farmácia.