sábado, 21 de março de 2009

Festival Just a Fest Rio de Janeiro - 20.03.2009


Por incrível que pareça, 2009 já começou com um gás potente em relação à shows internacionais que se torna inacreditável por estarmos no Brasil. A lenda de que nosso país esta na rota das turnês realmente parece estar vingando atualmente. Só falando no ano até março, já pudemos conferir Elton John, Keane e Iron Maiden em espetáculos que sobrepõe ao excepcional. Salvo raras exceções, a formalidade e o cuidado com tudo que rodeia os festivais e shows internacionais aqui no Brasil estão surpreendendo, já que a tranqüilidade e o não aborrecimento têm se tornado marca de certos concertos. Com isso, mais um fabuloso festival paira por aqui. “Just a Fest” nos presenteia com nomes como Los Hermanos, Kraftwerk, e Radiohead – em sua primeira visita ao país. Abaixo, o comentário deste festival que aconteceu no Rio e acontecerá em São Paulo. Inesquecível.

Los Hermanos: É com o verdadeiro clima de irmandade que a banda chegou ao palco caloroso com uma platéia não muito cheia na Praça da Apoteose no Rio de Janeiro. De mãos dadas e sendo muito carinhosos com seus fans, a banda entrou já com um clima que lembra os solos de Marcelo Camelo e Rodrigo Amarante: praiano, onde a calmaria desperta o desejo de ter alguém próximo. Com exceção de certos momentos, o show teve muito de caráter acústico, com hits inesquecíveis como “O Vento”, “Assim será” e a bela “A Flor”. Tocando a característica “Todo carnaval tem seu fim”, os Hermanos deixam no ar a dúvida que permaneceu durante todo show: será esta apenas mais uma calorosa apresentação única, ou realmente teremos a melhor banda jovem brasileira junta novamente?

Kraftwerk: Definir sem conhecer é complicado, mas um show eletrônico como foi o do Kraftwerk é a prova de que idade nada tem a ver quando se pensa primeiro que a maturidade e a experiência é quem conta na hora de botar para ferver. E foi assim durante toda a apresentação dos europeus. Com batidas estrondosas, recheadas de grooves e psy, o quarteto comandava uma cabine louca, com apenas 4 laptop’s e telões gigantescos com imagens que nos fazia flutuar pelo psicodelismo visual. Uma apresentação esnobada mas inesquecível que os alemães proporcionaram - mais uma vez – aos brasileiros.

Radiohead: Se este não for o show do ano, não sei o que pode barrar. A primeira apresentação do Radiohead (foto) por terras brasileiras foi indescritível. Em mais de duas horas de show, a banda presenteia 25 mil fans brasileiros com um set list louvável, fazendo um apanhamento de TODA sua carreira de sete álbuns. Thom Yorke grita, chora, pula, ri, briga... e transforma o palco em seu infinito particular, sendo emotivo e dramático quando deve ser, e pulsante e animado nos momentos certos. Isso sem se tornar caricato e teatral. Clássicos como “Paranoid Android”, “Idioteque” e “Air Bag” se misturaram com as ótimas do premiado último trabalho da banda, In Rainbows (2007), como “Nude”, “Videotape” e “Jigsaw falling into place”. Infelizmente, houve a pessoal decepção dos britânicos não tocarem a belamente triste e inesquecível “Fake Plastic Trees”, mas que foi retardada pelo acústico de “Creep” no final, fechando um concerto fabuloso e único, que se tornará lenda aos que foram e que deixa um vazio enorme, apenas aguardando a próxima vinda de uma das melhores bandas da história do rock.
Dica do Post:
Caso vc leitor não conheça alguma dessas bandas, aconselho investir na ideia e pesquisar. Dos inteligentes brasileiros dos Los Hermanos, passando pelo insano quarteto alemão do Krafertwerk e chegando aos geniais do Radiohead, você terá uma experiência profunda e eterna, e que vale muito a pena conhecer.

5 comentários:

[ rod ] disse...

Eu estou aqui a assistir o Multishow.

Abçs,





Novo Dogma:
nuncA...


dogMas...
dos atos, fatos e mitos...

http://do-gmas.blogspot.com/

Danilo Moreira disse...

Eita, mto bom msm.

O Iron se apresentou aqui pertinho de casa, no Autodromo de Interlagos... e eu n pude ir...

Que bom que estão olhando para o Brasil como um ótimo local para apresentarem as suas turnes. Estrutura aqui é q nao falta.

Abçs!!!

http://blogpontotres.blogspot.com/

Texto de hj: Liberdade é que nem água...

Vladir Duarte disse...

Não gosto do Los Hermanos, por isso não posso falar nada sobre eles. Agora, quanto ao Kraftwerk e ao Radiohead, não podia mesmo dar noutra. Duas grandes bandas, referências incontestáveis da história da música mundial.

Valeu!

Larissa Bohnenberger disse...

Adoro shows, de uma maneira geral.
SEmpre que tenho a chance de assistir a performance ao vivo e a cores de algum artista que eu goste muito, assim o faço! E não tenho me arrependido!
Bjs!

Ana R. Barbosa disse...

Foi maravilhoso msm! Fake Plastic Trees... Paranoid Android... Karma Police... Lucky... Que setlist!
Show do ano com certeza!
=)